segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Antes de ser mãe...

Ah! que mulher que já passou pela maternidade, nunca começou uma frase assim: "...antes de ser mãe".
Essa semana li em algum blog, um post bem bacana falando sobre isso (me perdoem que eu não vou lembrar o nome do blog!). Lendo o depoimento da amiga blogueira fiquei pensando nas muitas coisas que eu fazia antes de ser mãe, de como os meus dias eram bem aproveitados e como eu aceitava bem os imprevistos do dia. Porque sejamos sinceras, para quem tem criança em casa, sair da rotina, ás vezes pode ser o caos!!!

Vou citar um exemplo bobo, mas que explica bem o que quero dizer. Antes de ter filhos, se eu tivesse vontade de ver um filme no meio do dia, eu escolhia o filme, preparava um lanchinho e me sentava na frente da televisão. Relaxava e esquecia do mundo por 2 horas. Saía leve e solta do sofá, parecia até terapia.

Agora que tenho filhos e muito, muito mais responsabilidades, se eu quero ver um filme no meio do dia, eu até escolho o filme, mas antes eu vou colocar algumas peças de roupa na máquina para bater, ver se tem água na vasilha do cachorro, colocar as tolhas no Sol, aproveito para temperar aquela carne que já está descongelada, recolho os brinquedos espalhados pelo chão, preparo a mamadeira do Thomas e canto para ele dormir (Arthur está na escola á tarde), vejo meus e-mails, e só entãaaaaao, eu posso me sentar para assistir o filme. E ás vezes, não consigo ver o filme todo, deixando o final para outro dia.

Daí fica inevitável não dizer "antes de ser mãe", que a vida ficou diferente. Não que isso seja ruím, não, não. O que quero dizer é que por isso é tão importante vivenciar e experimentar cada fase da vida, pois tudo que se é vivenciado, é experiência, é aprendizado e nada mais gostoso e gratificante que no futuro poder olhar pra trás e ver que se viveu as coisas no seu tempo certo!
Sinto saudades dos meus dias de desprendimento com o tempo sim e ao mesmo tempo não desejo outra vida há não ser essa que eu levo no momento. Crazy, right?

We Heart It

29 comentários:

  1. Elznha, que post lindo!
    Olha, não vejo a hora de não poder mais ser dona do meu tempo, de juntar brinquedos do chão e tirar toda essa organização exagerada aqui de casa.
    Não vejo a hora de ficar assim, com o na foro.
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Olha já tinha lido esse texto, Antes de Ser Mãe,realmente ele é verdadeiro!!!.Acho que só uma mulher para dar conta de tudo mesmo,sem contar que é cansativo,estava lendo vc relatar que vc coloca a roupa para lavar,coloca comida para o cachorro,tempera a carne que já está descongelada...enfim me indentifico com tudo isso,rsrsrs.Mas é cansativo,massacrante também,mas a vida é feita de escolhas,e ver os filhos sendo bem educados por nós mães para o mundão que os espera lá fora já vale e muito!!Uma ótima semana.Beijão

    ResponderExcluir
  3. Que coragem, Elza!!! Ninguém - ou quase - gosta de pensar no passado com certa notalgia, ainda mais qdo o assunto são os filhotes. No início eu sentia muita falta de ser livre pra ir onde quisesse, cozinhar se e o que quisesse, dormir até acordar.
    O tempo passou, me adaptei e eles cresceram. Me tornei mãe de adolescentes e nós construímos uma liberdade nossa. Tudo junto e misturado. Aí chegou mais um bb... É louco, mas é bom!!!

    ResponderExcluir
  4. Elza lendo seu post me lembrei de tantas coisas que nao faço mais,mas me lembrei tbm que ser mãe é maravilhoso e muito prazeroso,a Rebeca já esta uma mocinha e hoje tenho outras preocupação de qdo ela tinha seus dois aninhos,mas ainda assim ser mãe e a melhor coisa que já fiz!
    Mas que as vezes da vontade de voltar aos velhos tempos isso da,mas logo passa,né?
    Amei o post amiga!!!!
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  5. Oi Elza,
    Agora vou contar uma história triste, já saí da fase de mãe, pois minha filha já está criada e tem a sua ppa vida, mas a fase de "antes de ser mãe" não volta nunca mais, pois a gente vai criando novas obrigações e tchau cabeça fria!
    Beijos 1000 e uma ótima semana para vc.

    SORTEIO!
    http://www.gosto-disto.com/2012/02/sorteio-2-anos-do-blog-giveway-2-years.html

    ResponderExcluir
  6. Oi Elza...menina quando eu não tinha filhos eu podia dormir hoje em dia eu não posso nem ir no banheiro sem me preocupar com o que eles estão aprontando,a verdade é que depois que eu tive meus filhos eu não vivo para mim vivo para eles minha vida e rotina gira entorno deles.
    Posso sair hoje? Não sei tenho que ver se os meninos terão aula
    posso ir no cinema ver filme adulto? não vou ver se consigo alguem para ficar com meu bebe.
    Não pude terminar os estudos,não posso trabalhar fora e devida minha condição financeira na hora das compras eles em primeiro lugar!
    Eu não diria que me arrependo no entanto tive filho aos 16 anos sendo que me casei aos 14...isso não é normal eu era uma criança mas não tive pais então foi uma solução,sofri e fui feliz na verdade não sei qual desses adjetivos são predominantes,eu só sei que se eu pudesse voltar atrás não buscaria minha independência assim,ter filhos é uma responsabilidade para vida todo não são como as bonecas que eu costumava a brincar,filhos tem vontades,tem problemas,tem duvidas e cabe aos pais ajuda-los e na minha vida foram duas crianças criando uma!
    hoje em dia eu não teria tido filhos tão jovem,teria vivenciado as fases com mais demora assim como você falou,mas agora é tarde e eu não fico me lamentando apenas aceito meu papel de mãe com amor!

    ResponderExcluir
  7. Oi Elza, exatamente assim que me sinto ... tudo é fases e chegará uma hora em que poderemos sentar na frente da tv com um baldão de pipocas junto com nossos filhos numa deliciosa tarde chuvosa para ver "aquele" filme infantil que todos querem ver e será muito divertido fazer comentários e rir juntos com os pimpolhos.
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Imagina eu então: com uma filha de 24 anos, morando sozinha e tomando conta da vida dela, e de repente me vejo grávida aos 45 anos e tendo que retornar ao jardim de infancia da 'mãelandia'. Muitooo louco! mas muito louco de bom...rs...Pq João é luz, é meu ar, é meu tudo...beijo querida e passa lá no Amoras que tem um selinho pra ti....Meire

    ResponderExcluir
  9. Adorei esse post, pois tá com tanto tempo que sou mães, que nem lembro dessa frase... "antes de ser mãe". rs Fui mãe tão jovem que acabei crescendo com meus filhos. Mas tudo é um belo aprendizado e adoro ver meus filhotes grandes, sadios, encaminhados na vida. É uma bênção.

    Bjo Querida.

    ResponderExcluir
  10. Realmente, ser mãe requer dedicação total e justamente por isso não tenho vontade nenhuma de ter filhos agora, não é o momento e eu sei disso, ainda tenho mts coisas para realizar como, por exemplo, me formar na faculdade. O engraçado é que todo mundo sabe que a vida muda depois dos filhos, mas vivem me pressionando para engravidar...Fico super chateada com isso!rs
    Não quero ter filhos e ficar pensando no que eu perdi, quero engravidar no momento que sentir aquele instinto maternal, sabe?!Para olhar pra trás e poder dizer que me sinto realizada, sem frustrações... Adorei seu post! Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Elza querida!
    Que lindo! Quanta ternura nesse post!
    Tenho certeza que no futuro irás colher belos frutos. Abraços! Uma semana abençoada pra ti e os pequeninos.

    ResponderExcluir
  12. Elza querida!
    Que lindo! Quanta ternura nesse post!
    Tenho certeza que no futuro irás colher belos frutos. Abraços! Uma semana abençoada pra ti e os pequeninos.

    ResponderExcluir
  13. Oi!

    Adorei o seu texto! Eu ainda não tenho filhos, mas quero muito, não no momento; quero aproveitar muito a minha vida antes de tê-los, heheh! Mas às vezes não vejo a hoea de ter os meus pimpolhos! :D


    Beijos e boa segunda!

    izabellaniquito.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Amiga, que lindo! Hj eu tirei meu cabelón, estava parecendo dread de tao embaraçado. O cabelereiro perguntou: vc tem certeza?? e eu respondi ... tenho sim, só dava para ter um cabelão desse tamanha antes de ser mãe (risos)a maior concidencia né? :) eu bem que queria ficar com todo aquele cabelão, mas ... tudo bem! Prediro não ter tempo para meu cabelão, nem para nada e vivênciar a maternidade tão intensamente como eu vivo. Como vc diz cada fase é para ser bem vivida né? Vou ficando aqui carequinha mas, uma mãe muito feliz! O post foi dos mais lindos q já li! Beijokas Aninha

    ResponderExcluir
  15. ainda nao sou mae , mas acho q deve ser assim msm...

    ResponderExcluir
  16. ahhh elza ... la no blog a receita da vez é esfoliante de champange , fácil e chique , passa lá

    www.adoro-pin-up.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Oi Elza querida :)
    Deve existir uma mistura de sentimentos né, mas pra mim que ainda não sou mãe fico pensando como deve ser bom viver tudo isso e tambem como é bom ainda poder ser dona do meu proprio tempo.
    Enfim a gente vai aceitando e entendendo oq Deus nos reserva, e assim vamos vivendo!

    Boa semana pra vc!!
    Bjo Bjo

    ResponderExcluir
  18. Oi Elza, olha só eu só tenho um filho com 24 anos, biólogo (que orgulho rsrsr),
    Quando eu casei continuei trabalhando fora, mas depois optei por ser mãe, e ai parei de trabalhar e me dediquei inteiramente ao meu filho. Em todas as fases da vida dele eu estava presente e posso te dizer por experiência própria que valeu a pena. E agora eu olho para trás e vejo que tudo passou tão rápido, ele já é um homem que não depende mais de mim, e quanto ao tempo eu agora o tenho de volta para assistir um filme ao meio dia se eu quiser. E eu concordo com você tem que aproveitar e vivenciar cada fase da vida antes de ser mãe.
    Parabéns pelo lindo post.
    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Ameii seu texto..
    Não sou mãe ainda...
    Mas acho q vou enxergar a vida assim msm..
    POr isso curto cada minuto da minha vida ANTES DE SER MÃE.. pq sei q depois minhas prioridades serão outras..

    Lindo texto. Amei!!


    Beijoquinhas :*

    Uma ótima semana ")

    ResponderExcluir
  20. Elza acho que foi o que postei no face que te inpsirou neste post né, tbm penso assim antes de ser mãe era tudo tranquilço e suave, hj é na correria, ams se trocaria ? De jeito nenhum

    ResponderExcluir
  21. Oi Elza que Deus abençõe você e sua família.
    Antes de ser mãe eu era uma menina... nem me lembro mais... Tenho 38 anos e um filho de quase 20, um de 16 e uma de 13. Hoje eu já posso fazer algumas coisas que fazia antes, mas com certeza com meus filhos do lado tem um sabor muito melhor... Não tenha dúvidas a prioridade sempre, sempre serão eles!! E isso não muda com o passar dos anos... E mãe gosta de ter os filhos por perto dando trabalho e alegria!!
    Bjos e boa semana.
    Soraya

    ResponderExcluir
  22. Acredito que seja uma etapa neh...as coisas mudam mesmo..
    Beijos
    Celi
    www.casanovaeagora.wordpress.com
    @casanovaeagora

    ResponderExcluir
  23. Blog lindo e fofo!
    Com dicas super fofas, adorei!!!
    é em blogs como o seu que estou me inspirando e montando o meu aos poucos!
    Dá uma passadinha lá?
    http://doit-amanda.blogspot.com/
    Brigadão beijos

    ResponderExcluir
  24. Oi Elza, o incrível é que para mim foi diferente, fui mãe muito jovem, e hoje é que aproveito tudo isso, a fase de criança e adolesc~encia já passou, se eu e marido quisermos sair, viajar, tomar uma, cinema etc, as filhas é que se preocupam, ainda bem que são filhas maravilhosas, logo chega a sua vez.
    Bjos.
    Silvia.

    ResponderExcluir
  25. Nossa, deu para imaginar seu dia a dia...
    :D

    ResponderExcluir
  26. Não tenho filhos...ainda!!!
    Mas fico pensando em como será a rotina...as mudanças que virão junto com a felicidade de ser mãe!
    Por isso é fundamental planejar e conversar muito com o maridão!!
    bj grande

    ResponderExcluir
  27. Obrigada por compartilhar! Antes de ser mãe, a Mari vinha em primeiro lugar sempre, agora é o Tiago sempre. Eu sinto falta dessa parte do filme, acho que desde que ele nasceu eu não consigo ver um filme inteiro, logo eu que era viciada,rsrsrs. Mas isso vai voltar depois de alguns anos, é só esperar,rsrsrs. O que não consigo imaginar e estar longe dele, pois antes de ser mãe eu não conhecia esse amor incondicional, agora que conheço não quero outra vida, pois é bom demais!
    Bjos, querida.
    Mari.

    ResponderExcluir
  28. Ei Elza... tenho essa imaginação mesmo!!!
    Como casei faz 10 meses... penso...quero fazer mtas coisas antes de ter filho!!! ahuahauha
    Acho que é fase né...
    Mas minha mae sempre diz, toda fase tem sua beleza e sua dificuldade.
    Entao temos q aproveitar o q eh bom e esperar q o ruim tb passa..haahuhau

    Publiquei seu sorteio no meu blog...
    http://lutudonumacoisaso.blogspot.com/
    bjss

    ResponderExcluir